Windows 10

Os 3 melhores antivírus gratuitos

Os vírus de computador são uns dos maiores desafios na era digital. Muitas tarefas realizadas off-line passaram a ser executadas online. Todavia, os riscos nunca deixaram de existir. Por outro lado, a forma de combate se aperfeiçoa, à medida que os vírus assumem riscos maiores, com danos ainda mais avassaladores.

O avanço nos processos de trocas de informações facilitou e possibilitou que diversas operações antes restritas a ambientes específicos pudessem ser feitas em redes digitais, tais como:

  • Operações bancárias;
  • Compras online;
  • Declaração de imposto de renda.

Histórico de vírus no mundo digital

Existem os mais variados tipos de vírus que causam danos diversos e específicos no aparelho de quem foi infectado. Por serem programas, podem facilmente estar presente em outros programas.

Porém, há programas de vírus que até mesmo podem se alojar em arquivos de sistema, que contribui para danos ainda maiores e até mesmo irreversíveis ao dispositivo afetado. A maneira como são acionados também variam, sendo múltiplas as possibilidades.

A existência do primeiro vírus consta de 1983. Alguns dos mais conhecidos são Brain, Lehigh, Jerusalem, MacMag etc. Contudo, o primeiro agente invasor a danificar um computador no processo de inicialização foi o Stoned, descoberto no fim da década de 80. Diante de tantos vírus e tantas finalidades, há duas categorias principais que determinam quem são e como agem, que são:

  • Vírus de arquivo;
  • Vírus de inicialização.

Vírus de arquivo e de inicialização

Vírus de arquivo entram em ação no momento em que programas são executados. Algumas das extensões de arquivos infectados são:

  • .exe;
  • .com;
  • .dll.

Já os vírus de inicialização estão presentes no setor de boot do disco rígido ou disquete. Sua execução ocorre quando o aparelho é iniciado, ao ligar. Estendem-se para a memória do computador e para outros tipos de discos.

Há também uma subdivisão para os dois principais tipos de vírus, que ocorre de acordo com as funcionalidades específicas de cada vírus. As subdivisões podem se dar da seguinte forma:

  • Multipartite;
  • Polimórfico;
  • Criptografados;
  • Macro;
  • Furtivos.

O papel dos antivírus

Os antivírus são programas que possuem a finalidade de detectar vírus. Além disso, através deste dispositivo há a neutralização do agente invasor e, por conseguinte, a sua remoção definitiva e permanente. Os antivírus realmente bons são aqueles que possuem as seguintes características:

  • Identificam e eliminam boa quantidade de intrusos;
  • Analisam arquivos em processo de downloads pela web;
  • Checa frequentemente os discos rígidos.

3 melhores antivírus gratuitos

Agora que sabemos quais as condições necessárias para que possamos ter bons antivírus instalados em nossos aparelhos, selecionamos alguns que obedecem aos requisitos que garantam o máximo de segurança, na hora de manusear o aparelho. São eles:

1 # 360 Total Security

Esta opção apresenta quatro motores antivírus. Quem pensa em manter tudo protegido por tempo integral conta com um bom antivírus.

download-button

2 # Avira Free Antivirus

Atualmente é um dos mais conhecidos. Sua interface requer um pouco de paciência, por não ser tão intuitiva. Todavia, em matéria de segurança, não deixa a desejar.

download-button

3 # AVG AntiVirus Free

A empresa responsável pelo desenvolvimento do AVG realizou diversos aperfeiçoamentos, contribuindo para um antivírus gratuito que dá ao usuário a garantia de segurança em matéria de vírus.

download-button

POSTS POPULARES

To Top
porno

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com